[ ] [ b / mod / pol ] [ enter / N64 / mu / 2d ] [ sala / $ / build / art ] [ pr0n ] [ tudo ] [ / / ]

/b/ - Random

Email
Subject
Comment
File
Embed
Password (For file deletion.)

Allowed file types:jpg, jpeg, gif, png, bmp, webm, mp4
Max filesize is 10 MB.
Max image dimensions are 10000 x 40000.
You may upload 3 per post.


  [Go to bottom]   [Catalog]   [Return]   [Archive]

File: 1606004594503.png (108.43 KB, 652x365, 652:365, guts.png) ImgOps Google Yandex

 No.25327

Eu não tenho amigos, e nem ninguém em que eu possa confiar. Costumava pensar que eu faria alguma falta, ou que pelo menos de vez enquanto receberia uma ligação ou coisa do tipo, mas a verdade é que, nem no meu aniversário me ligaram ou procuraram saber se eu estava vivo. Apenas minha mãe e meu pai lembrou, não que eu me importasse com isso, apenas sempre memorizei a data de meus "amigos" e pensava que eles também se importavam comigo. Tenho facilidade em me comunicar com o próximo, era bem extrovertido e nada recluso, mas honestamente, a melhor coisa que fiz foi me afundar de vez na solidão, apenas eu e eu.

 No.25328

File: 1606005542694.png (33.41 KB, 494x491, 494:491, 6d69c0103e3f75cd5786a893b3….png) ImgOps Google Yandex

Eu achei que nós éramos amigos.

 No.25342

File: 1606010379081.jpeg (73.37 KB, 750x593, 750:593, deveriam ser carinhas sor….jpeg) ImgOps Google Yandex

Quando era adolescente, já trazia comigo a semente da solidão. Sentia-me deslocado em meio aos amiguinhosrsrs da escola, e pensava que seria um alívio superar aquela fase e me livrar deles para poder me enfurnar no meu mundinho, ou então encontrar pessoas mais interessantes.
As pessoas interessantes não apareceram, ou talvez eu não tenha aparecido para elas, e os colegas de escola, que eu via, e ainda vejo, com distanciamento continuaram sendo praticamente as minhas únicas companhias, só que virtualmente, já que a maioria mudou de cidade.
A real é que a solidão me incomoda bastante, por mais que eu tenha livros, internet, música e o caralho, por mais que eu viva num mundo que, em algumas ocasiões, se mostra maravilhoso, não vejo tanta graça em apreciar tudo isso sem alguém com quem eu tenha uma conexão sentimental ao meu lado.

 No.25360

File: 1606019421052-0.jpg (81.16 KB, 960x586, 480:293, warzone.jpg) ImgOps Google Yandex

File: 1606019421052-1.jpg (288.89 KB, 900x704, 225:176, fanzine.jpg) ImgOps Google Yandex

File: 1606019421052-2.jpg (57.64 KB, 512x320, 8:5, swtor stronghold.jpg) ImgOps Google Yandex

Eu também sou solitário e isolado e apenas minha mãe (e de vez em quando meu irmão) se lembra do meu aniversário. Até em MMO, criei uma guilda e consegui colocar 3 pessoas, mas elas saíram na primeira semana (mesmo eu tendo investido recursos de meses e meses de esforço para tornar a guilda uma casa) e agora só tem os meus personagens lá.

Não escondo que eu não tenho amigos porque fiz bastante coisa errada contra eles (não pedi necessariamente perdão por essas coisas) e não perdoei quem fez mancada comigo. Propositalmente eu me isolei e cortei contato e estando imerso em mim mesmo, acabei não criando novas amizades. A verdade é que existe inicialmente um tanto de egocentrismo no solitário, mas que aos poucos vai se diluindo até dar espaço a algo mais nobre, se o solitário deseja se tornar melhor. Egocentrismo é quando você é bom em amar a si mesmo, mas não é bom em amar o próximo. Muitos acusam o solitário de narcisismo, mas isso o solitário não é. O narcisismo exige pessoas idolatrando o narcisista, de maneira que o narcisista é bastante social e expositivo, como um pavão.

Pois bem: aprendi que para fazer amigos é bem fácil. Basta pensar mais nos outros do que em você mesmo. Basta entrar em atividades com interesses mútuos, como um hobby ou um projeto. Basta perdoar a imperfeição das pessoas e ajudar todos no mínimo e no máximo. Isso eu aprendi na bíblia. Resolvi aplicar no meu MMO para ver se é verdade e um pouco do convívio social na vida lá fora. Abandonei a guilda que eu criei (parei de pensar em mim) e decidi entrar na guilda que estava crescendo de outra pessoa e ser alguém prestativo, cordial e que evita fofocas e não guarda rancor com as mancadas e furos que as pessoas cometem, ajudando todos nas pequenas e nas grandes coisas. Logo me tornei um dos membros mais estimados da guilda e passei a receber emails dessas pessoas.

É impressionante o quanto o bem é aglutinador.

Ainda continuo solitário, já que é um tanto impossível nessa pandemia ter algo mais do que essa socialização do MMO, porém, foi bom ouvir "Vou sentir a sua falta" quando eu avisei que iria dar um tempo do jogo para praticar meus projetos. E comecei a ter mais contato com as pessoas que já gostavam de mim e realmente a fórmula funciona.

Quando terminar essa pandemia (não importa quando) eu irei entrar num hobby de dioramas e quadrinhos e participar de oficinas pela cidade e aplicar a mesma coisa que fiz no MMO.

O importante de ser solitário é realmente ter a oportunidade de aprender a amar a si mesmo com o intuito de amar o próximo (que o processo de abandonar o egocentrismo), porque é impossível amar o próximo sem antes você amar a si mesmo. A solidão seria então uma chance de edificar a casa, reformar as fundações que nos tornam humanos e só assim estarmos preparados para a brisa ou a tempestade do lado de fora.



[Go to top] [Catalog] [Return][Post a Reply]
Delete Post [ ]
[ ] [ b / mod / pol ] [ enter / N64 / mu / 2d ] [ sala / $ / build / art ] [ pr0n ] [ tudo ] [ / / ]